🌾 Você sabe como combater as principais pragas da sua plantação de trigo? Confira algumas dicas:

🌾 PULGÕES:
Antes de qualquer ação é recomendado que se faça um monitoramento da área para que, em seguida, seja tomada uma decisão. O controle biológico pode ser usado para controlar a população de pulgões que causam danos diretos e para controlar os danos indiretos causados por transmissão de doenças, pode ser utilizado o controle químico.

🌾 LAGARTAS DESFOLHADORAS:
Nesse caso também é importante que se faça um monitoramento prévio, sendo importante avaliar as plantas e o solo ao redor. O controle biológico, tanto o natural quanto o aplicado, irão reduzir as lagartas desfolhadoras da lavoura.

🌾 PERCEVEJOS:
O monitoramento para o controle de percevejos deve acontecer durante os períodos vegetativos e reprodutivos. O controle desse tipo de praga é feito basicamente pelo uso de inseticidas, mas existem insetos que atuam naturalmente parasitando e predando percevejos. A recomendação é que sejam utilizados inseticidas sistêmicos e que sejam evitados inseticidas de amplo espectro.

🌾 CORÓS:
O monitoramento para o controle de corós deve ser realizados antes da semeadura, pois são pragas que podem permanecer na área por um período maior que o do próprio cultivo do trigo. O controle cultural para os corós com aração e gradagem pode reduzir bastante a população. Porém o tratamento de sementes é o método mais indicado para o controle destas pragas.

Conheças nossos implementos:
📞(64) 3492-1050 // (64) 9941-3371